Empregabilidade

Este grupo tem como objetivo principal dinamizar a relação entre os associados em situação de desemprego e as entidades empregadoras. Para tal concentrará os seus esforços no levantamento de necessidades, na procura de oportunidades e na sensibilização dos empregadores para as competências e valências dos planeadores. Tem ainda o propósito de apoiar a capacitação dos associados na aquisição de valências profissionais que se revelam serem importantes no futuro desempenho da atividade de planeamento territorial decorrentes da Agenda 2020

O presente grupo de trabalho visa a concretização dos seguintes objetivos:

1.  Apoio aos associados no acesso a estágios profissionais

Para o efeito, a APPLA terá em consideração as medidas disponibilizadas pelo IEFP neste domínio, designadamente, o Programa Estágios Profissionais, cujas candidaturas decorrem até 31 de dezembro de 2012.

http://www.iefp.pt/apoios/entidades_sem_fins_lucrativos/Estagios/ProgEstagiosProfissionais/Paginas/ProgramaEstagiosProfissionais.aspx

Para a concretização deste objetivo, a APPLA poderá assumir um papel proativo junto de potenciais entidades empregadoras, em particular, das com menores dificuldades económicas dada a conjuntura atual de crise, enquanto entidade parceira: i) facilitando os contactos entre profissionais e entidades empregadores; ii) prestando apoio a nível da tutoria dos estagiários (bolsa de “orientadores profissionais”).

 

2.  Dinamização de oportunidades profissionais para os associados.

Para o efeito, a APPLA terá em consideração as medidas disponibilizadas pelo IEFP neste domínio:

  • O Programa Estímulo 2012

http://www.iefp.pt/apoios/entidades_sem_fins_lucrativos/Paginas/MedidaEstimulo2012.aspx

  • Programa Impulso Jovem – Medidas Passaporte Emprego

http://www.iefp.pt/apoios/entidades_sem_fins_lucrativos/Paginas/PassaporteEmprego.aspx

De forma análoga ao ponto anterior, para garantir a concretização deste objetivo, a APPLA assumirá um papel proativo junto de potenciais entidades empregadoras.

Para além da ação descrita, a APPLA procederá à divulgação, permanente e atualizada, das oportunidades de emprego disponíveis na área do planeamento e ordenamento do território, no mercado de emprego nacional e internacional.

 

3.  Recolha de conhecimento sobre os associados nos domínios da empregabilidade e das valências profissionais.

Neste âmbito, a APPLA precederá ao levantamento das necessidades reais de emprego dos seus associados, e também, das suas competências académicas, profissionais e no domínio da formação. O levantamento sobre as necessidades de empregabilidade dos associados da APPLA será um elemento chave para a execução dos dois objetivos anteriores.

Para tal, solicitamos aos associados que preencham o inquérito online, disponível aqui, e que nos permita obter um retrato das suas necessidades de formação e, com isso, desenvolver e propor ações que melhorem as suas competências, bem como o desenvolvimento de novas valências que fortaleçam a prática profissional.

 

4.  Articulação com instituições de ensino superior que têm formação em planeamento no sentido de apoiarem a empregabilidade dos seus ex alunos.

O grupo de apoio à empregabilidade propõe-se desenvolver diligências junto das instituições de ensino superior onde os associados se formaram no sentido de apoiarem os esforços de inserção profissional dos seus licenciados. Estes esforços poderão passar pelo desenvolvimento de contactos com as tutelas governamentais no sentido de serem criados, dinamizados e agilizados programas de apoio à empregabilidade na administração pública, e pela sensibilização da administração local e regional para oferta de estágios profissionais.

 

5.  Criação de ideias de projeto/aquisição de competências em áreas emergentes

Este objetivo prende-se com a preocupação em capacitar os associados (em especial, em situação de desemprego) de competências facilitadoras da inserção futura no mercado de trabalho, designadamente, tendo em conta as áreas emergentes no domínio do planeamento do território relacionadas com a Agenda 2020. Para o efeito, a APPLA poderá associar-se a iniciativas promovidas por outras entidades ou a iniciativas de formação.

 

Constituíção: 

  • Joana Lima
  • José Carlos Mota
  • Carla Alzira Semedo
  • Carla Santos